O Tigre

Um homem sobrevive a três ataques de tigre: a urgência de viver quando o berro se faz preciso.

A história de um homem que sobreviveu a três ataques de tigre se cruza com a trajetória de outro homem, movido por ideias que fervilham o desejo de renovação e que também luta para sobreviver a ataques de tigres metafóricos.

O ataque do tigre é tomado como eixo de construção de uma narrativa que cruza vozes poéticas, cujos delineamentos apontam saídas na contramão da história.  Em cena, um diálogo com as vozes poéticas de personalidades como Cacilda Becker, Gilberto Gil, Caetano Veloso, Joaquim Nabuco, Bertolt Brecht, Martin Luther King, Mahatma Gandhi.

O espetáculo lida com a urgência de viver, de criar e de rugir quando o berro se faz preciso.

Ficha técnica

Texto e Direção: Deborah Moreira
Atuação: George Mascarenhas
Direção Musical: Luciano Salvador Bahia
Ambientação: Mimus – Cia de Teatro
Iluminação: Luciano Reis
Assistente de iluminação: Otávio Correia Neto
Concepção Audiovisual: Dedeco Macedo
Figurinos: Marcio Akiyoshi
Fotos: Sora Maia
Realização: Mimus – Companhia de Teatro

Temporadas

Estreia: 06 de junho de 2015 – Teatro SESI – Rio Vermelho (Salvador – BA)

Temporadas:
Teatro SESI – Rio Vermelho (Salvador – BA): junho/julho 2015
Teatro SESI – Rio Vermelho (Salvador – BA): set/dez 2015
Projeto Feira Mimus  – Teatro Amélio Amorim – Feira de Santana – abril/2016
Projeto Prata da Casa – Teatro Martim Gonçalves  – Salvador – Ba – maio 2016
Projeto Vulcão (Grupo Caixa Cênica) – Teatro Gregório de Mattos – Salvador – mar 2017
SESC Virtualidades – Temporada online – nov/dez 2020
Mostra Mimus – Teatro Gamboa Online – jan 2021